Razões para consumir mais chá

Razões para consumir mais chá

Para ajudar a dormir, para aliviar dores, para acalmar… Existem diversos tipos de chás, e cada um age de forma diferente no corpo humano. Em países como a Índia, China, Turquia, Marrocos e Reino Unido o consumo do chá é um costume antigo, e aqui no Brasil, a bebida ganhou mais espaço nos últimos anos, tornou-se quase um ritual e sinônimo de autocuidado.

Aqueles mais adeptos do chá, desenvolvem um sentimento de conexão que abraça todo o processo, desde a preparação até o consumo. Mas por qual razão devemos beber chá com mais frequência?

Bom para a mente, as moléculas encontras nos chás acessam o sistema límbico, que é responsável pelos comportamentos sociais e respostas emocionais. É importante lembrar, que embora possa complementar um tratamento médico, os chás não substituem medicações.

Uma pesquisa feita na China, pelo Hospital de Zhujiang, aponta que beber três xícaras de chá diariamente pode diminuir em até 37% os riscos de depressão como uma doença crônica. Os chás ainda podem ser aliados para elevar a imunidade e acalmar a ansiedade.

Alguns tipos de chás e seus desempenhos

Como calmantes, estão na lista: erva-cidreira, erva-doce, melissa e camomila. Que agem com função anti-inflamatória, estão os chás de gengibre, hibisco, chá-verde, casca de laranja, canela e romã. E ainda, para quem sofre com dores de estômago, podem utilizar o boldo, alfavaca, erva-cidreira, funcho e espinheira-santa.

Chá em sachê ou a granel?

Os sachês podem ser mais práticos, mas os chás a granel normalmente tem mais qualidade. Enquanto para preparar o sachê basta colocá-lo na água quente, a opção a granel precisa passar por um processo de fervura.

Agora é só escolher um de sua preferência e experimentar. Lembre-se de evitar o açúcar, e se for utilizar, que seja de forma moderada.

Fonte: Eko’7 Saúde

Deixe um comentário.

Faça login com seu e-mail.